Infecção nas unhas: como prevenir

Infecção nas unhas: como prevenir
Print This Article

Onicomicose ocorre em aproximadamente 25% das pessoas até 40 anos e em 40% dos idosos

Esse é o tipo mais comum de infecção nas unhas

Causada por fungos, ser vivo geralmente encontrado no solo, animais ou plantas, a onicomicose é a infecção mais comum das unhas, especialmente na unha do dedão do pé. ‘Os pés enfrentam ambientes úmidos, escuros e quentes com maior frequência do que as das mãos. Esse ambiente é considerado ideal para o crescimento dos fungos, que se alimentam da queratina, proteína que forma a maior parte das unhas’’, explica Dra. Cristiane Câmara Alves, médica tricologista, especialista em unhas e cabelos.

Leia também:
Dicas para manter a saúde das mãos em dia
10 motivos para cuidar de seus pés
Dicas de como manter mãos e unhas lindas no inverno

De acordo com a especialista, esse tipo de infecção ocorre em aproximadamente 25% das pessoas até 40 anos e em 40% dos idosos.

Outras condições como psoríase da unhas e reações alérgicas das unhas esmaltadas ou com próteses podem acontecer, e caso ocorram, existem exames que ajudam o diagnóstico correto.

Indivíduos que sofrem de doenças como diabetes ou aquelas que tem uma deficiência do sistema imunológico podem ser mais suscetíveis a infecções nas unhas. Pacientes HIV positivos, com AIDS, câncer (particularmente aqueles em uso de medicações anti-neoplásicas) e pacientes transplantados que tomam drogas imunossupressoras devem ser tratados para prevenir futuros problemas de saúde das suas unhas.

Como se prevenir:

  •  Manter as unhas curtas minimiza os traumas que predispõem a penetração do fungo.
  •  Vestir meias que acomodam adequadamente os pés e rodiziar os sapatos (evite usar o mesmo sapato por dias seguidos).
  •  Usar creme antifúngico no pé para prevenir infecção fúngica como o pé de atleta.
  •  Uso de talcos para controlar a transpiração que podem promover infecção fúngica nos pés.
  •  Tratar fungos de unhas para evitar complicações, especialmente em diabéticos e indivíduos imunossuprimidos.
  •  Realizar os testes adequados.
  •  Lavar e secar bem os pés antes de calçar.
  •  Não dividir cortador e lixa de unha.
  •  Limpar todos os instrumentos utilizados na higiene dos pés com álcool.
  •  Evitar andar descalço em lugares públicos como banheiros e piscinas.
  •  Nunca vista sapato de outra pessoa.
  •  Evite usar sempre o mesmo tênis ou sapatos.
  •  Use sapatos impermeáveis para trabalho em céu aberto.
  •  Use sprays antifúngicos e pós para sapatos semanalmente.
  •  Troque as meias diariamente.
Este post é uma contribuição da assessoria da Clínica Pampulha para o Guia BH Mulher

Nota: Ao reproduzir nosso conteúdo, favor informar os créditos e manter os links. Caso algum artigo ou imagem postado aqui em nosso site, que seja de sua autoria e o crédito não esteja determinado, favor entrar em contato pelo acesso no rodapé do site ou no menu acima.

dicas bh

 

 

Veja onde encontrar em Belo Horizonte e cidades vizinhas

  Article "tagged" as:
  Categories: